Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O colar de pérolas

09
Abr15

Um dia comprei um vestido

Oi a todos,  hoje venho contar -vos a história de um vestido que uma vez comprei. Parece uma futilidade, mas juro que foi mesmo assim! Comprei este vestido nos saldos à uns 3 anos atrás! Na altura servia mas não ficava lá muito bem,  porque apesar de estar mais magra do que já tinha estado até então,  continuava com peso a mais!


Mesmo assim decidi comprá-lo, pensei,  pode até poderia ser um incentivo a perder algum peso! A verdade é que nunca mais o usei. Mal cheguei a casa guardei-o no armário e nunca mais o vesti,  até porque deixou de me servir! Considerei então por várias vezes dá -lo a alguém,  mas não o fiz, eu gostava daquele vestido e pensava mesmo que um dia viria a vesti-lo! Queria ser magra só por ser, só por achar bonito! De preferência sem sacrifícios, mas o que eu não via era que ser magra nem sempre é sinal saúde! Fiz dietas bem desequilibradas, não comia hidratos de carbono, (farinhas, pão, massa,  arroz) comia proteína em excesso (leite,  iogurte, carne,  queijo fresco), fazia exercício físico sim, mas sempre o mesmo! E pensava que estava a fazer as coisas bem! Mas não,  emagrecia e engordava demasiadas vezes e com espaços demasiados curtos! Sinceramente ainda vejo muito gente que o faz desta maneira o que me deixa muito preocupada!


Quando fui para Itália,  levei comigo o tal vestido nem eu sei muito bem porquê,  não me servia mesmo!! Sabia que ia ter uma cadeira na faculdade de nutrição,  talvez por isso o tivesse levado, mas que importava isso? O que mudaria ?  já não era a primeira cadeira deste género que eu fazia! estas disciplinas dão muito entusiasmo na altura mas.depois tudo se desmorona facilmente. Fui claro às aulas de nutrição em Itália, e o meu vestido esperava por mim, sempre lá no armário!

 

 

Eram aulas normais, falava-se de nutrição para a saúde! Ao inicio nem tomava muita atenção, até que aos poucos o professor foi-me provando o quão mal eu andava a fazer a minha saúde! Fiquei em choque depois de ter cruzado informação de aulas e informações científicas,  percebi que realmente era verdade, estava a matar-me aos poucos e nem sabia! Comia p que sabia bem, o que apetecia no momento o que mais fácil barato e conveniente e nem pensava muito nisso!


Então, depois do Natal, reflecti muito, estudei toda aquela situação e como poderia mudar! Depois, voltei a Milão, quando cheguei a casa, enchi-me de força, olhei para o meu vestido e pensei!  Eu vou mudar! Eu consigo mudar! Com muita ajuda, esforço e dedicação eu tenho conseguido mudar, esta é uma luta diária, que é muito difícil!
E amanhã vou pela primeira vez, em anos usar o meu vestido!

DSC_9592.JPG

 


Hoje sou mais saudável, mais confiante, mais activa, mais alegre, concentrada e bem disposta! Tudo mudou para melhor! Mas tudo continua em mudança, faço-o por mim e pela minha saúde! Faço uma alimentação bem regrada e que muitos acham extrema e exagerada! Mas será que é mesmo assim?
Eu escolhi fazer uma alimentação paleolítica com adaptação mediterrânica, porque evita muitas doenças da nova geração,  do século 21, sendo que eu já faço parte do grupo de risco de algumas delas!
Ao contrário do mito que aí corre, esta alimentação prevê menos consumo de carne e peixe (proteína animal) do que hidratos de carbono! É a alimentação básica,  de tudo o que é fresco, feito na hora e natural, como se fazia na época do paleolítico! Mas isso é já matéria para outro post!


Quero por fim relembrar que eu mudo e me alimento bem, pela minha saúde  e não porque é moda,  ou porque é bonito ser-se magro, porque precisamos estar mais bonitos no verão! Para mim isso não me importa, não quero saber. A minha saúde está primeiro e esta mudança é para a vida toda! E se isso dá trabalho?  Dá,  muito  sim!  mas compensa muito também! Requer pesquisa e conhecimento!

Eu estudo esta área como sabem,  sobre o processamento de alimentos, e por isso tenho mais acesso a informação do que um consumidor comum, mas isso não importa, somos nós, que escolhemos o que queremos comer e existe muita informação boa na internet em livros,  no hospital, centro de saúde,  ginásio, basta saber escolher e ler com cabeça, ver se as coisas fazem sentido!
Esta é a minha história, e conto-a para vos chamar à atenção,  para que mudem também pela vossa saúde, com motivação e consciência!


Já sabem que se precisarem de informação ou ajuda eu estou sempre disponível! Lembrem-se a partir de dia 18 de Janeiro de 2015 a minha vida mudou. Agora sou melhor. E a vossa? 

Mudem com força de vontade e mudem para melhor!
Beijinhos a todos

Sonhadora. Teimosa. Amante da vida e do mundo! Aproveito cada segundo da vida para ser útil e me sentir realizada! Adoro conversar e conhecer coisas novas! Estou sempre disposta a partilhar conhecimentos incomuns, ideias, valores e princípios!

Instagram

Tumblr

Facebook